Vale realiza teste de Sirene na Barragem Santana

Nesta terça-feira (7) a mineradora Vale realizou, entre 10h e 11h da manhã, os testes nas sirenes do sistema de emergência da Represa Barragem Santana, localizada às margens da rodovia MGC-120, estrada que liga Itabira a Santa Maria de Itabira, onde desemborca o volume excedente de água.

Os testes foram realizados nas sirenes denominadas San2 e San3, que compreende a zona rural de Santa Maria de Itabira. O som da sirene foi ouvido nas localidades de Gaspar, Flor do Vale, Cordeiro e Morro Santo Antônio.

Esses testes fazem parte de um trabalho preventivo de verificação do funcionamento dos equipamentos. Todos os contratados que usavam um colete alaranjado passaram nas referidas residências para informar aos moradores que no caso especifico de hoje (7/05), ao ouvirem o sinal sonoro, não era necessário nenhuma ação por parte dos mesmos quando estivessem nas comunidades e que poderiam seguir com as atividades normais.

Como já foi informado anteriormente pela Mineradora Vale, o teste se faz necessário pois faz parte do Plano de Ação de Emergência de Barragem – PAEBM.

Nossa reportagem esteve na rodovia e acompanhou o trabalho realizado pelos funcionários da Vale e contratados, que contou com a presença da Policia Militar da cidade de Santa Maria de Itabira, bem como duas guarnições da Policia Rodoviária Estadual (PRE), que realizou blitz nas extremidades da rodovia onde os motoristas eram parados e recebiam panfletos informando que era apenas um teste de Sirene.

Ao final nossa reportagem verificou com as equipes que transcorreu tudo dentro da normalidade. Eles disseram que não poderiam gravar entrevista, pois o contato com a imprensa está sendo feito somente através do e-mail duvidas.barragens.itabira@vale.com ou pelo telefone: 0800 039 6010, de 8h às 20h.