Itabira terá simulado de rompimento de barragens em 29 de junho

Acom/PMI

Em 29 de junho, às 15 horas, moradores de Itabira participarão de um simulado de rompimento de barragens. A agenda foi anunciada nesta quarta-feira (15), em entrevista coletiva à imprensa realizada na Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA). Ao menos 11 mil pessoas deverão ser envolvidas, na chamada zona de autossalvamento (ZAS).

Flávio Godinho, Defesa Civil MG

O treinamento da população foi acertado após a segunda rodada de reuniões técnicas sobre o  Plano de Ação de Emergência de Barragens de Mineração (PAEBM), realizado entre segunda-feira (13) e hoje. O grupo de trabalho reúne representantes de seções integradas da Prefeitura de Itabira, a exemplo da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil (Compdec); Vale; Corpo de Bombeiros; Polícia Militar e Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec-MG). O primeiro ciclo de atividades ocorreu no mês passado.

Cap.PM Pierry

A mineradora, à frente dos trabalhos, informou que deverá lançar nas próximas semanas um aplicativo para Smartphone com informações sobre barragens, rotas de fuga e pontos de encontro localizados em Itabira. O objetivo é evitar ou minimizar eventuais tragédias como a que aconteceu em Brumadinho, no dia 25 de janeiro deste ano.

Priscila Martins, SMMA

Priscila Martins da Costa, titular da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA), pasta responsável pelo Compdec, citou o esforço assumido para a efetivação do PAEBM na cidade. “Iniciamos um trabalho em 2017, cuja primeira etapa culmina na reunião de hoje. Faremos um trabalho preventivo para que tenhamos, todos, maior segurança. Esse é um trabalho de todos nós”, frisou.

A Lei 12.334/10 estabelece a Política Nacional de Segurança de Barragens. Itabira possui 11 barragens em operação, segundo a SMMA. Embora não esteja entre as instituições responsáveis pela fiscalização de segurança das estruturas, a Prefeitura articula sua efetivação com representações políticas e autoridades competentes.

Fonte: Asscom/PMI